img-responsiva

DICA!: Novidades do blog pelo twitter: @ScatGustavo

domingo, 30 de agosto de 2020

Entrevista com Anna Coprofield - Uma mulher que leva o sexo scat ao extremo.

Para ler esta entrevista originalmente em Inglês, CLIQUE AQUI.
For the original interview in English, CLICK HERE. 


por JoeMuck23

Anna Coprofield é a nova carinha do scat porn. Ela é bem dedicada com os seus vídeos (que são incrivelmente gostosos), lançando cerca de 80 vídeos por ano - todos disponíveis em sua loja no Scatshop .

entrevista com acompanhante scat anna coprofield

Ela sempre brinca sozinha usando máscara ou escondendo o seu rosto. Os vídeos costumam ser bem enquadrados e bem iluminados. Alguns profissionais de iluminação, cenário ou roteiro podem ser mais exigentes, mas aqueles que gostam de close-ups vão adorar os mínimos detalhes extremos de uma garota muito bonita e muito suja, e com toda a certeza vão encontrar o que procuram.

E como essa garota é suja! Em um vídeo normal de 15 minutos, ela vai cagar uma quantidade enorme (leia abaixo como ela faz isso) e logo depois, a maior parte do vídeo ela vai lambuzar a bunda, buceta e passar o cocô nos peidos e no rosto. E aí começa a diversão: ela insere cocô dentro da bunda, introduz merda na vagina, fode seus buracos com vibradores enormes, mastiga merda e cospe tudo no peito, espalha nas roupas, suja o cabelo e depois começa tudo de novo. Em algumas cenas mais pesadas ela até usa vários sacos para enche-los de merda e tudo com muita sujeira. Sabemos que deve demorar muito pra limpar isso depois..

Os seus vídeos variam de 15 a 45 minutos e são quase todos disponíveis em HD / 1080p. Encontre alguns deles na loja Scatshop .






**Me conte um pouco sobre você. Quem é você? O que você mais gosta de fazer e a onde (mais ou menos) você mora?

Meu nome é Anna. Tenho 25 anos. Eu sou de Pooland, um país próximo a Neverland na Europa Oriental (hehe). Em alguns dias da semana eu me tranco em casa e brinco com merda. Sou uma garota muito suja, mas você jamais imaginaria isso quando me visse na rua.


**Como você se interessou por scat? Quais foram suas inspirações?

Isso aconteceu não faz muito tempo. Foi quando eu fiz sexo anal com o meu ex-namorado. Eu tentei fazer um enema antes, mas aconteceu que um pouco de merda borrou o pau dele. Eu fiquei com muita vergonha! Mas ao mesmo tempo, sentia que eu queria tirar toda a merda de dentro de mim - uma sensação estranha, mas eu não contei pra ele. No fim, rimos e esquecemos disso.

Depois disso eu comecei a pensar muito em coprofilia, e depois de um tempo eu encontrei um cara na internet [sexo virtual mesmo] e essa foi a minha primeira vez.


**Do que você mais gosta no fetiche scat?

Adoro o processo de defecação mesmo (e quem não gosta? :). 
Eu amo encher a minha buceta com merda e melar tudo lá dentro.



woman scat sex


**O que te levou a gravar os vídeos? Você se considera uma exibicionista?

Como nenhum de meus parentes e amigos conhecem o meu segredo sujo, acho que gravar os vídeos é uma excelente solução pra mim. Ah, e sim, eu sou uma exibicionista com certeza. Mas faço tudo isso sempre muito escondida.


**Como é normalmente a sua sessão? Como você se prepara? E como você se limpa?

Como moro em casa, e não moro sozinha, eu sempre me preparo com antecedência. Fico sem cagar por dois dias antes de filmar. Eu sempre também coloco no cenário uma toalha de mesa descartável e até mesmo fraldas.

Aí eu tomo banho, me maquio, me troco, arrumo a câmera e as luzes e tento ainda não cagar antes de filmar. (isso é o mais difícil.)

A limpeza leva mais tempo... ahhh. Depois de gravar o vídeo tem merda por toda parte. Primeiro, me lavo no chuveiro por mais de uma hora, lavo a merda das roupas, lavo o quarto e o banheiro usando produtos que contêm cloro e arejo tudo. O quarto fica cheirando merda por um bom tempo. Um conselho de Anna Coprofield: veja se ainda não sobrou merda no teto. :)






**Você costuma brincar com o scat na sua boca e buceta. Demorou muito pra você começar a fazer isso? Existem dicas que você pode dar para aqueles que desejam fazer isso, mas têm medo de possíveis problemas de saúde?

Tudo é muito simples. O principal é ter vontade e eu não fico preocupada com isso. Costumo ir ao médico e fazer o teste. E eu só brinco com a minha própria merda, então para mim está tudo bem. A pior coisa que acontece as vezes é uma inflamação na pele (dermatite) já que eu gosto de passar o cocô pelo meu corpo. Não engula cocô se você tiver problemas de estômago. Visite o médico com mais frequência e tudo ficará bem. (Isso também serve para os homens.)


**Você grava vídeos especias de pedidos de fãs?

Claro! E eu tenho muitos pedidos. O difícil é ter tempo para gravar todos eles.


**Existem outras artistas com quem você gostaria de gravar algum dia?

Eu amo brincar sozinha. Mas eu faria algo com a LoveRachelle2 com o maior prazer. Adoro a enorme merda dela.

LoveRachelle2:


**Você acompanha o pornô scat? Você tem sites, produtores ou artistas favoritos?

O Scatshop.com é suficiente pra mim. :)







**Você acha que as pessoas mais jovens tem a mente mais aberta para praticar o scat play?

Eu acho que tudo depende da pessoa e não da idade.


**Você gosta de interagir com os fãs?

Ahan, eu gosto quando os homens se masturbam assistindo os meus vídeos, tiram uma foto e me mandam.

**Você ainda tem algum desejo envolvendo scat? Tem algo que você queira fazer e que ainda não fez?

Tenho algumas coisas relacionadas ao assunto, mas ainda é mais um segredo sujo meu...


**Muitas pessoas gostariam de encontrar um parceiro para realizar os fetiches. Você tem algum conselho?

Tenha seriedade para encontrar um parceiro e procure alguém que compartilhe completamente os seus desejos. Aí então cuide do seu segredo sujo… ;)

beijinhos

Anna Coprofield







JoeMuck23:
Agradeço a Anna por ser tão querida e por deixar eu fazer tantas perguntas. Você pode comprar os vídeos de Anna na loja Scatshop . 

- O Joe faz parte da comunidade scat há muitos e muitos anos. Além do pornô, ele gosta de entender as motivações, paixões e a cultura compartilhada pelos fãs desse fetiche. Você pode conversar com ele (em inglês) pelo Twitter @joemuck23 .

Nenhum comentário:

Postar um comentário